domingo, 16 de agosto de 2009

Conversas de malucos

Pelos vistos a Asma e a Rinite alérgica são basicamente os mesmos mecanismos de doença que ocorrem em sítios diferentes, brônquios e nariz, respectivamente.

Ora, eu não sabia. O que eu sei é que vou ter que tomar (mais) dois medicamentos TODOS OS DIAS até à próxima consulta que é no PRÓXIMO MÊS! Porcaria!!!!!!!

Mas o nariz já está melhor. =) E deram-me uns panfletos sobre 'casa livre de ácaros' e 'o que deve saber o alérgico sobre a sua doença' enquanto o meu braço ardia com comichão durante quinze minutos sem eu poder fazer nada. Depois de me picarem o braço todo e o encherem de reagentes dos ácaros.

Podia ser pior.
Podia ser uma doença auto-imune, ou sem etiologia de auto-imune mas com manifestações idênticas. Ou as duas!
Podia ser uma doença da caixa dos pirolitos.
Ei isso já é!
Pois é... Peço desculpa.
Mas... Que doença é que tu tens?
Não sei. Uma que faz com que o cérebro balance de cada vez que mexo os olhos ou viro a cabeça repentinamente, e que me deixa enjoada a menos que esteja a comer e depois de comer fique com o estômago indisposto.
Parece-me chato.
Parece-te??
É.
É.
No mínimo...
Nem tens ideia!
E o dr Maia?
Já cá está mas vai ficar à minha espera.
Porquê?
Porque não há dinheiro...
Ei isso é chato.
Muito.
Extremamente.
E uma pessoa ou vai ao particular ou Bye Bye Raimundo que a médica de família está de férias.
Outra vez??
Sim. Deve ter cinco meses de férias por mês.
Assim também quero!
Também eu. Mas também quero um P1 e pelos vistos só com consulta.
Isto está entregue à bicharada!
Gatunos!
Chupistas!
Comedores!
Energúmenos. O Mundo está virado do avesso. (quer dizer, não literalmente, senão andavamos todos a nadar em lava. No sítio onde não passam as ondas P dos sismos. Ou serão as S? já n sei... já não sei nada.)
O que é isso?

"energúmeno

nome masculino
1.
pessoa que, dominada por uma obsessão ou fúria, pratica disparates;
2.
figurado pessoa desprezível ou ignorante;

3.
antiquado pessoa possuída pelo Demónio; possesso"

Ei... Não sabia.
Pra isso é que servem os dicionários. Porque é que as pessoas não usam dicionários?
Pelo mesmo motivo que não gostam da escola. Não percebem para que é que ela serve.
HELLO!! Serve para adquirirmos conhecimento que é a coisa mais importante que existe!!
E isso serve para quê?
Para TUDO!
Mas é uma seca...
Só é se quiserem que seja.
Oh.
Pois.

4 Things you have to say about it:

euporcá disse...

Obrigado pelo comentário!... Mas sinto-te distante. Também podes contar comigo!

Liano DriMi disse...

eu não leio dicionários...é da preguiça...s bem q, por vezes uso a opção dos sinónimos q existe no word...é a táctica do RAP(Ricardo Araújo Pereira) para demonstrar grande capacidade d conhecimentos relativamente ao português, capacidade esta q, no meu caso, não existe.
pois bem, relativamente ao q tens contra os advogados, eu não tenh nda a ver, ms pode-s sempr arranjar-t uns revólveres ou umas ponta-e-mola...por acaso tenh uma pseudo-futura advogada q é minha prima aí em ermesinde.a tal prima Diana d ermesinde...

Eu tentei através da graxa e dos argumentos, ms pronto...fico-m pela tentativa...

me disse...

Liano DriMi faça o favor de começar a ler dicionários que lá também tem sinónimos, caso não tenhas reparado lol o que significa que para além de ficares a saber todos os significados da palavra de uma forma legítima e correcta, aprendes também novo vocabulário (eventualmente! não quero dizer que és fraco nisso. claramente que não és.).

Liano DriMi disse...

está bem.vou pensar seriamente no teu caso...mas lá está, o dicionário é muito regular na estrutura e eu quando chego à palavra Adstrigência, já vou sem vontade nenhuma de ler mais.e fico por aí, é claro que fico por aí...
fraco não, mas medíocre...xD (sinceramente não percebo ainda o porquê de fraco ser pior que medíocre.vamos ver no dicionário.

fraco
adj.
adj.
1. Que não é forte.
2. Que tem menos força que a regular.
3. Que não tem as condições necessárias de robustez.
4. Débil; sem vigor; debilitado, combalido.
5. Que tem pouca consistência ou pouca solidez; frágil; quebradiço.
6. Sem forças (para atacar ou defender-se).
7. Brando, frouxo; insignificante.
8. Que tem pouco volume.
9. Pusilânime; falto de energia; cobarde.
10. Que vai diminuindo ou esmorecendo; que tem pouco alcance.
11. Mau; reles.
12. Ineficaz.
s. m.
13. O que há menos forte ou resistente.
14. Tendência, balda, propensão.
15. Vício predominante.
16. Paixão.
17. No voltarete, parceiro que compra as cartas em último lugar.
moeda fraca: a que tem maior valor nominal que intrínseco.
o lado fraco: o defeito habitual, a balda.

medíocre
adj. 2 gén.
adj. 2 gén.
1. Mediano; sofrível; meão; insignificante.
s. m.
2. O que é medíocre.

in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa, http://www.priberam.pt/DLPO/

assim já me parece correcto...lá está, depende da carga emocional que se dá às palavras, mas vendo no dicionário, parece correcta a designação.o que dá seguir os teus conselhos!=D)

PS: apesar de o nome Liano DriMi ter sido conjugado depois de ter vindo definitivamente para cá, tu usaste-o, prova de que acompanhas ainda os desenvolvimentos que ocorrem por cá.ou talvez não.mesmo assim, obrigado!